Artistas e Modelos

NOS LANÇAMENTOS DE NOVEMBRO, FILME NOIR E MAIS CLÁSSICOS DO CINEMA

FILME NOIR VOL. 9 – ED. LIMITADA COM 6 CARDS

No formato digistack, o box com 3 DVDs reúne 7 clássicos inéditos do gênero dirigidos por mestres como Joseph L. Mankiewicz e Michael Curtiz estrelados por astros como James Cagney e Edward G. Robinson. Inclui “Rincão de Tormentas”, que é o primeiro noir britânico lançado na série colecionável da Versátil, e mais um sétimo filme nos extras: “Trágico Álibi” (My Name is Julia Ross, 1945), do genial Joseph H. Lewis (“Gun Crazy”).

DISCO 1:

RINCÃO DE TORMENTAS (Brighton Rock, 1947, 93 min.)
De John Boulting. Com Richard Attenborough, Hermione Baddeley, William Hartnell.

Baseada em um romance do escritor Graham Greene (“Fim de Caso”), essa obra-prima do filme noir britânico mostra a trajetória de Pinkie Brown, o psicótico líder de uma gangue que atua na cidade litorânea de Brighton. Também conhecido como “O Pior dos Pecados”, ganhou uma refilmagem em 2010 com Sam Riley e Helen Mirren.

O AMANHÃ QUE NÃO VIRÁ (Kiss Tomorrow Goodbye, 1950, 103 min.)
De Gordon Douglas. Com James Cagney, Barbara Payton, Helena Carter.

Logo após o fabuloso “Fúria Sanguinária”, James Cagney voltou a viver um gângster violento nesse ótimo filme noir em que o cruel Ralph Cotter foge da prisão e corrompe todos em seu caminho.

DISCO 2:

SANGUE DO MEU SANGUE (House of Strangers, 1949, 101 min.)
De Joseph L. Mankiewicz. Com Edward G. Robinson, Susan Hayward, Richard Conte.

Após sair da prisão, homem deseja se vingar dos irmãos por terem traído seu pai. Melodrama noir que antecipa “O Poderoso Chefão”. Por sua interpretação, Edward G. Robinson ganhou o Prêmio de melhor ator no Festival de Cannes.

SEM SOMBRA DE SUSPEITA (The Unsuspected, 1947, 103 min.)
De Michael Curtiz. Com Claude Rains, Joan Caulfield, Audrey Totter.

Secretária é encontrada morta na casa do patrão, um radialista famoso por ler histórias de mistério e assassinato em seu programa. O que parece ser um suicídio se complica com a chegada de um homem misterioso.

DISCO 3:

CILADA MORTÍFERA (Murder by Contract, 1958, 81 min.)
De Irving Lerner. Com Vince Edwards, Philip Pine, Herschel Bernardi.

Admirado por Martin Scorsese, que fala do filme nos extras, essa pérola noir conta a história do implacável matador de aluguel Claude, cuja eficiência é abalada quando descobre que sua próxima vítima é uma mulher.

A MULHER DILLINGER (Decoy, 1946, 76 min.)
De Jack Bernhard. Com Jean Gillie, Edward Norris, Robert Armstrong.

Uma criminosa reconta como ela e sua quadrilha reviveram um bandido executado na câmara de gás para descobrir onde este enterrou o dinheiro de um assalto. A britânica Jean Gillie vive uma das femmes fatales mais cruéis do filme noir.

EXTRAS:
* “Trágico Álibi” (My Name is Julia Ross, 1945), de Joseph H. Lewis (64 min.)
* Especiais e trailers (35 min.)

EDIÇÃO LIMITADA COM 6 CARDs:

MAIS CLÁSSICOS NA 2001:

DENTRO DA NOITE

Astros da Warner nos anos 1940, George Raft e Humphrey Bogart interpretam irmãos que lutam para sobreviver neste policial noir dirigido por Raoul Walsh (“Fúria Sanguinária”). Explorados pelo patrão, os dois trabalham como motoristas de caminhão e acabam demitidos, o que leva Joe (Raft) a se envolver numa trama de crime com a mal-intencionada Lana Carlsen (Ida Lupino), justamente a mulher de seu ex-patrão.

UM ANJO CAIU DO CÉU

Indicado a 5 Oscar em 1947, incluindo melhor filme e direção (Henry Koster), o clássico apresenta Cary Grant no papel de Dudley, um anjo enviado à Terra para ajudar o bispo Henry Brougham (David Niven) a construir uma nova catedral. Só que as mulheres mais importantes da vida de Henry ficam encantadas com o recém-chegado, causando muitas confusões e ciúmes. Loretta Young, Elsa Lanchester e Karolyn Grimes completam o elenco.

ARTISTAS E MODELOS

Com grande elenco – Dean Martin, Shirley MacLaine, Dorothy Malone e Anita Ekberg -, esta comédia de 1955 marca a primeira parceria entre Jerry Lewis e Frank Tashlin, diretor de inúmeros sucessos do astro. Martin vive escritor de quadrinhos que divide o apartamento com um pintor de paredes interpretado por Lewis. O pintor fala sozinho durante o sono e suas histórias servirão de inspiração para o amigo.

ERA UMA VEZ EM HOLLYWOOD

Fãs de musicais não podem perder este documentário de 1974, que traça um panorama do gênero no cinema desde a década de 1920 até os anos 1950, por meio de cenas e entrevistas com algumas das maiores estrelas da MGM. Nomes como Fred Astaire, Gene Kelly, Bing Crosby e Cyd Charisse apresentam seus momentos musicais favoritos em mais de 50 anos da história de Hollywood. Edição especial com 3 discos.

SUA ÚLTIMA FAÇANHA

Em grande atuação, Kirk Douglas (indicado ao Bafta), encarna Jack Burns, um caubói solitário que tenta ajudar seu amigo Paul Bondi, preso por transportar imigrantes ilegais. Burns deliberadamente deixa-se prender para estar mais próximo de Bondi e depois escapa da prisão, tornando-se um fugitivo. Com roteiro assinado por Dalton Trumbo (“Spartacus”), este western ainda conta com Gena Rowlands e Walter Matthau no elenco.

A MOÇA COM A VALISE

Terceiro longa-metragem de um dos grandes diretores do cinema italiano do pós-guerra, Valerio Zurlini. Indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes em 1961, o filme segue o rito de passagem do adolescente Lorenzo (Jacques Perrin, intérpret do “Totó” adulto em “Cinema Paradiso”), que fará de tudo para conquistar uma bela cantora de cabaré Aida (Claudia Cardinale), que foi enganada por seu irmão, o playboy Marcello.