Chris Rock

VENCEDORES DO OSCAR 2016

4

COMO NOS ÚLTIMOS ANOS, O OSCAR 2016 PULVERIZOU AS ESTATUETAS ENTRE INÚMEROS FILMES, COM “SPOTLIGHT – SEGREDOS REVELADOS”, “O REGRESSO” E “MAD MAX: ESTRADA DA FÚRIA” ENTRE OS GRANDES VENCEDORES DA NOITE. A CERIMÔNIA FICOU MARCADA PELA DISCUSSÃO EM TORNO DA FALTA DE DIVERSIDADE ENTRE OS INDICADOS AO PRÊMIO.

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood realizou na noite de domingo (28/2), no Teatro Dolby, em Los Angeles, a 88ª edição do Oscar. Mestre de cerimônias da festa, o comediante Chris Rock alfinetou os membros da Academia com comentários ácidos e desconcertantes sobre a ausência de artistas negros nas principais categorias do prêmio.

1

O Oscar repetiu alguns dos vencedores do Independent Spirit Awards, entregue no último sábado (27), e prêmios dos sindicatos dos atores (SAG) e dos diretores (DGA). Vencedor de cinco Independent Spirits (melhor filme, direção, roteiro, edição e prêmio Robert Altman), “Spotlight” levou o Oscar de melhor filme e roteiro original, sendo superado em número de estatuetas pelo épico “O Regresso”, com três prêmios, e “Mad Max: Estrada da Fúria“, com seis.

Laureado com o Oscar de melhor direção no ano passado por “Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância)”, o mexicano Alejandro González Inárritu repetiu o feito com “O Regresso”, tornando-se o terceiro cineasta da história a levar o prêmio em dois anos seguidos; John Ford e Joseph L. Mankiewicz venceram consecutivamente nos anos 1940 e 1950. O filme recebeu ainda o Oscar de melhor ator para Leonardo DiCaprio – aplaudido de pé em um dos momentos mais emocionantes da noite – e para a espetacular fotografia de Emmanuel Lubezki, premiado pelo terceiro ano seguido.

Quarteto vencedor da noite: Mark Rylance, Brie LArson, DiCaprio e a sueca Alicia Vikander

Quarteto de atores da noite: Mark Rylance, Brie Larson, DiCaprio e a sueca Alicia Vikander

Nas categorias de atuação, as vitórias de Brie Larson (“O Quarto de Jack”), Alicia Vikander (“A Garota Dinamarquesa”) e DiCaprio já eram esperadas, mas a grande surpresa da noite ficou por conta do anúncio do inglês Mark Rylance (de “A Ponte dos Espiões“, em breve em DVD e Blu-ray na 2001) como melhor coadjuvante, superando Sylvester Stallone, o favorito sentimental por “Creed: Nascido para Lutar”.

E, se houve um consenso nos prêmios deste ano, foi a excelência técnica de “Mad Max: Estrada da Fúria“. Aclamado por público e crítica, o filme de George Miller levou seis estatuetas: melhor montagem, design de produção, figurino, maquiagem, mixagem de som e edição de som.

A seguir, a lista completa com todos os vencedores do OSCAR 2016:

MELHOR FILME
Spotlight – Segredos Revelados

Filme-denúncia à moda antiga, "Spotlight" ganhou fôlego na reta final e conseguiu bater o favorito "O Regresso" na categoria principal

Filme-denúncia à moda antiga, “Spotlight” ganhou fôlego na reta final e conseguiu bater o favorito “O Regresso” na categoria principal

MELHOR DIRETOR
Alejandro González Inárritu – “O Regresso”

MELHOR ATOR
Leonardo DiCaprio – “O Regresso”

MELHOR ATRIZ
Brie Larson – “O Quarto de Jack”

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Mark Rylance – “Ponte dos Espiões

Pouco conhecido pelo grande público, o inglês Mark Rylance é um aclamado ator britânico de teatro e TV. Recentemente, concorreu ao Emmy e ao Globo de Ouroi e ao Emmy por sua atuação na minissérie "Wolf Hall", recém-lançada em DVD na 2001

Pouco conhecido pelo grande público, o inglês Mark Rylance é também um aclamado ator de teatro e TV. Recentemente, ele concorreu ao Emmy e ao Globo de Ouro por sua atuação na minissérie “Wolf Hall”, recém-lançada em DVD na 2001

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Alicia Vikander – “A Garota Dinamarquesa”

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Charles Randolph, Adam McKay – “A Grande Aposta”

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Josh Singer, Tom McCarthy – “Spotlight – Segredos Revelados”

MELHOR FILME ESTRANGEIRO
“O Filho de Saul”

MELHOR LONGA DE ANIMAÇÃO
Divertida Mente

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL
Ennio Morricone – “Os Oito Odiados”

Com mais de 500 trilhas sonoras no currículo, Ennio Morricone recebeu um Oscar honorário em 2007 e só agora o seu primeiro competitivo, pelo western "Os Oito Odiados"

Com mais de 500 trilhas sonoras no currículo, Ennio Morricone recebeu um Oscar honorário em 2007 e só agora o seu primeiro competitivo, pelo western “Os Oito Odiados”

MELHOR FOTOGRAFIA
Emmanuel Lubezki – “O Regresso”

MELHOR FIGURINO
Jenny Beavan – “Mad Max: Estrada da Fúria

MELHOR MAQUIAGEM
Mad Max: Estrada da Fúria

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO
Colin Gibson, Lisa Thompson – “Mad Max: Estrada da Fúria

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL
“Writing’s On The Wall” (“007 Contra Spectre“), de Sam Smith e James Napier

James Napier e Sam Smith, premiados pela canção de "007 Contra Spectre", que acaba de sair em DVD e Blu-ray na 2001

James Napier e Sam Smith, premiados pela canção de “007 Contra Spectre“, que acaba de sair em DVD e Blu-ray na 2001

MELHORES EFEITOS VISUAIS
“Ex-Machina: Instinto Artificial”

MELHOR MONTAGEM
Margaret Sixel – “Mad Max: Estrada da Fúria

MELHOR EDIÇÃO DE SOM
Mad Max: Estrada da Fúria

MELHOR MIXAGEM DE SOM
Mad Max: Estrada da Fúria

Com dez indicações, a aventura de George Miller teve ótimo aproveitamento e levou seis estatuetas

Com dez indicações, a aventura de George Miller se destacou na premiação com seis estatuetas

MELHOR DOCUMENTÁRIO DE LONGA-METRAGEM
“Amy”

MELHOR DOCUMENTÁRIO DE CURTA-METRAGEM
“A Girl in the River: The Price of Forgiveness”

MELHOR CURTA-METRAGEM
“Stutterer”

MELHOR CURTA DE ANIMAÇÃO
“Historia de un oso”